Spam para Hosana

Por: Wanderson Duke

“Hosana não voltou para casa desde ontem. O celular só dá caixa postal”, foi a mensagem que a mãe de Hosana, minha namorada, havia enviado para meu e-mail. De súbito, minha memória me arrebatou para a tarde em meu pai me apresentou uma folha de jornal de desaparecidos quando o perguntei como ele havia aprendido a desenhar. “Desaparecido” é a palavra que mais me causa medo desde aquela tarde em que não havia suco na geladeira e o apontador com lâmina cega não deixava o grafite pronto para a ação.

Quando entrei no Facebook, as tradicionais correntes que normalmente encontram uma fiel moradia na minha caixa de spam, se tornaram uma saída viável que eu não sabia se escrevia com D, de desespero ou com M, de medo. Desespero, por seu desaparecimento. Medo da possibilidade de não encontrá-la. Como viver sem aquele sorriso pungente, os lábios mais doces, os cabelos feito noite, os abraços, os cheiros… Entrei em contato com alguns amigos e descobri os últimos lugares em que ela havia ido. Infelizmente, a rotina IFCS- Fundão deixava os locais de procura bastante amplos, mas já tinha algo em que me basear. Montei uma força tarefa formado por familiares e amigos e fomos à caça de uma informação que fosse. Enquanto percorria a cidade, as lembranças me acometiam de uma maneira constrangedora. No trem, os vagões eram redutos de nossos corpos cansados depois de um dia longo e exaustivo, mas que não era forte o suficiente a ponto de impedir nosso encontro. No ônibus que entrei, lembrei instantaneamente da noite do primeiro beijo, em que minha felicidade por ter tocado aqueles lábios encontraram vazão no sorriso largo estampado na cara.

Dez horas da noite e não obtemos nenhuma informação. Nenhum rastro, nenhuma pista… Volto pra casa por insistência de minha sogra e não consigo dormir. A cama não é tão confortável quanto os braços de Hosana. Seis horas da manhã. Me ponho de pé. Começa e procura e,meu Deus, eu tenho de encontrá-la! Repito como uma oração. Eu tenho de encontrá-la. Amém.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s