Morto-vivo

Por: Enrique Coimbra

A sensação de despertar sem dormir me tira do eixo. Morto-vivo embriagado por shots de vodka e rock ‘n’ roll, tão ousado e confiante na frente dos outros, tão apavorado quando de frente para o próprio reflexo na lataria imunda do ônibus que para com um sinal.

“Bom dia” resmungo torto para o motorista mal-humorado que se desdobra do corpo. Miro as poltronas. Vazio que se estende. Tudo tem um duplo. Tenho alguns quádruplos. Seguro pela roleta, aceno sem querer para o trocador. Não controlo minhas mãos, que caçam minha carteira pelos bolsos infinitos e pegajosos da jeans esfarelada.

Minutos e sacolejos. Não está em lugar algum. Ele perde a paciência, não aguenta meu cheiro inflamável, teme que eu exploda. Pausa. Dramática. Perdi a droga da carteira. Não é a primeira vez. Vem a vontade de derreter pelo vidro que me separa de um banco tentador, até o chão, chorar, espernear, afirmar que a culpa não é minha, que a pressão em minha vida desgraçada me faz querer ficar fora de mim com gente fora de tudo.

O cara caga na minha cabeça quando pergunta se vou ou não pagar. Sou veloz como um caramujo para responder que não tenho dinheiro. Parece alegre quando fala para eu descer, o que faço sem discutir. É na calçada que percebo como Leblon fica longe de Santa Cruz. É na sarjeta que percebo que minha identidade estava dentro da carteira. A madrugada sem Lua piora meu desespero.

Tenho 17 anos e quero o colo da minha mãe. O sétimo carro para quando peço carona. Digo que apesar da camisa rasgada do Nirvana, da calça estraçalhada e de estar sem um tostão, não sou mendigo. Nem assaltante. Destrava a porta quando suas íris cinzentas e quarentonas cruzam a linha das minhas verdes. “Gosto dos Rolling Stones. Curte?”. “Não”, balbucio. Deveria ser mais simpático, mas se abrir a boca, vou vomitar. “Me deixe o mais perto da Barra”, peço. Recebo confirmação com um sorriso de Diazepam, desgostoso. Tenho nojo. Devo estar pior do que ela. É quando fico com vontade de vomitar de novo.

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s